Telefone Auxílio Brasil e as Dúvidas

O benefício do Auxílio Brasil ainda gera muitas dúvidas!

Saiba qual é o telefone do Auxílio Brasil e mais notícias sobre o programa, substituto do Bolsa Família. Acompanhe o texto!

Advertisement

Para muitos, o benefício do Auxílio Brasil ainda gera muitas dúvidas.

Por isso, o Ministério da Cidadania tem disponibilizado alguns canais de atendimento, como telefones até aplicativos para celular.

A seguir, vamos responder algumas das principais dúvidas sobre esse programa, e fornecer os principais canais de contato. Leia em:

Auxílio Brasil

Advertisement

Telefone Auxílio Brasil: quem tem direito ao benefício?

Por definição, o Auxílio Brasil foi criado com o intuito de amparar famílias de baixa renda, substituindo o antigo Bolsa Família.

A intenção é contemplar pessoas e famílias que estejam em situação de grande vulnerabilidade social.

Para receber o benefício, o governo federal criou dois grupos: famílias que estão em extrema pobreza e as que estão em situação de pobreza.

No primeiro grupo, pertencem as que têm renda de até R$ 105,00 por pessoa. Já, no segundo, as que possuem renda entre R$ 105,01 e R$ 210,00 por pessoa.

Importante destacar que só são aceitas nesse segundo grupo famílias que possuam gestantes ou pessoas menores de 21 anos.

Fora isso, também é necessário ser cadastrado no CadÚnico, que é o cadastro único para programas sociais.

Advertisement

Para isso, há algumas exigências também, como as gestantes estarem em dia com o pré-natal, e as crianças e adolescentes estarem com a vacinação e com o acompanhamento nutricional em ordem.

Veja esse vídeo sobre dúvidas do Auxílio Brasil:


De que maneira se cadastrar no Auxílio Brasil?

A seleção para o programa é realizada mensalmente por meio dos dados obtidos no CadÚnico.

Em síntese, não há um veículo específico para se cadastrar diretamente no programa tampouco um telefone Auxílio Brasil, específico para adesão.

Dessa forma, entre em contato com o CRAS (Centro de Referência da Assistência Social) ou com a prefeitura da sua cidade para solicitar o cadastramento mediante agendamento.

Esse cadastro não pode ser realizado na internet, tendo que ser feito pessoalmente.

Assim, a pessoa responsável pela família terá que levar alguns documentos. São eles:

  • Documentos pessoais de todos os componentes da família (CPF, RG, Título de Eleitor, Certidão de casamento e de nascimento);
  • Comprovantes de residência (preferencialmente, conta de luz);
  • Comprovantes de renda (carteiras de trabalhos de todos os membros que possuem esse documento).

Importante:

O Auxílio Brasil não é concedido a todos que fazem o CadÚnico, e sim, apenas aquelas famílias que se enquadram nos parâmetros pré-estabelecidos.

A partir do momento em que se comprova que a família está apta a receber o benefício, ela entra em uma fila de espera.

Ao mesmo tempo, não existe um prazo específico para o benefício começar a ser pago. É preciso aguardar a análise e a liberação do cadastro realizado.

De quanto é o valor do Auxílio Brasil?

Pelo telefone Auxílio Brasil, você pode saber que o valor estipulado é de R$ 400,00 mensais.

Essa quantia, no entanto, é a soma de alguns benefícios oferecidos anteriormente. Por exemplo:

  • Primeira Infância (BPI);
  • Composição Familiar (BCF);
  • Superação da Extrema Pobreza (BSP)

No caso dos dois primeiros, eles são disponibilizados até no número de cinco benefícios por família.

Se, houver uma família cuja soma de todos os benefícios fique abaixo de R$ 400,00, um extra será colocado para atingir esse valor.

Caso a família também atenda aos requisitos de outros programas, como Auxílio Esporte Escolar, Bolsa de Iniciação Científica Júnior e o Auxílio Criança Cidadã, o valor pode ultrapassar os R$400,00.

O telefone Auxílio Brasil disponibilizada a data do benefício

Até o momento, esse benefício será pago até dezembro de 2022.

Contudo, esse limite está estipulado pela Medida Provisória nº 1.076/2021.

Isso ocorre porque o Auxílio Brasil foi criado em caráter de urgência, limitado ao ano de 2022.

Portanto, até agora, não há previsão orçamentária para o pagamento do benefício nos próximos anos.

Caso haja alguma prorrogação ou disponibilidade orçamentária ainda este ano, o Auxílio Brasil talvez continue a ser pago de 2023 em diante.

Como é feita a consulta do Auxílio Brasil?

É possível consultar tanto se a família foi incluída nesse benefício, quanto acompanhar o calendário de pagamentos, através do telefone Auxílio Brasil.

Para isso, há a Central de Atendimento que é o CAIXA Auxílio Brasil, cujo número é 111.

Você deve primeiro, escolher a opção 1, e depois digitar o CPF ou o NIS para saber informações sobre o benefício.

Além deste canal, a consulta por telefone também está disponível através do número 0800-726-0207, escolhendo a opção 3, que é relativa ao benefício.

A ligação para esse número é gratuita, e o horário de atendimento é das 07h às 19h (de segunda à sexta) e das 10h às 16h (sábado, domingo e feriados em geral).

Consulta pelo aplicativo

Contudo, o beneficiário também pode usar além do telefone Auxílio Brasil o aplicativo da CAIXA.

Basta fazer o download e se registrar com o número do CPF.

Através desse canal, é possível saber muitas informações, como as datas de depósito e de disponibilidade para saque.

Ou seja, o aplicativo mostrará o status das parcelas, que podem ser classificadas em:

  • Liberada;
  • Bloqueada;
  • Cancelada;
  • Pendente.

Liberada a parcela, esta cai diretamente nas contas poupanças digitais dos beneficiários, atreladas à Caixa Econômica Federal.

Além do aplicativo do próprio Auxílio Brasil, ainda há o app do Caixa Tem, no qual o beneficiário poderá consultar e movimentar o dinheiro depositado do programa.

Como contestar algo em relação ao benefício

O telefone Auxílio Brasil, pode orientar sobre a contestação.

Caso alguma família que esteja dentro de todos esses parâmetros ficou de fora do novo auxílio, ou teve o seu benefício cancelado, é possível contestar essa decisão.

Primeiramente, é importante você verificar se todos os dados do CadÚnico estão certos e/ou atualizados.

Caso esteja faltando algo, o próximo passo é se dirigir ao CRAS mais próximo para informar a situação, e fazer a atualização dos dados da família cadastrada.

O mesmo vale para se estiver tudo correto no CadÚnico, ou seja, ir ao CRAC e informar o ocorrido.

Em seguida, é aguardar a revisão que o Ministério da Cidadania faz todos os meses para que a família seja incluída no programa.

Conclusão

Vimos aqui qual é o telefone Auxílio Brasil e aplicativos disponíveis para saber mais sobre o programa.

Você também pode ir pessoalmente ao CRAS ou à prefeitura da sua cidade, não há outro canal de atendimento relacionado ao benefício.

Lembrando que, caso você receba uma mensagem por celular, ou via redes sociais, pedindo dados pessoais referente ao Auxílio Brasil, não responda.

Essa atividade, provavelmente, trata-se de golpe.

Saiba mais sobre Auxílio Brasil, veja aqui.

Esperamos que essas informações sejam úteis para você saber se tem direito a esse benefício e como consegui-lo para a sua família.

Por fim, se o texto ajudou você, compartilhe agora mesmo na sua rede social preferida.

 

*Fonte: https://news24hora.com/telefone-auxilio-brasil-e-as-duvidas

Esse site usa cookies Ok Mais detalhes

Termos & Política de Privacidade